Domingo, 12 de Fevereiro de 2006

A tua rosa

images258.jpg


Ontem disseste-me que eu era a tua rosa... E que tu eras a minha redoma... E eu acredito.


 Acredito porque te amo e sei que ao teu lado o nada e o nunca não existem, fazes-me acreditar que só existe o sempre e o agora. E eu gosto de acreditar...


 Dou-me a ti como se fosse mesmo uma rosa na esperança que tu tornes a minha inocência imortal e me protegas de todos os espinhos...


Mas como no amor o que vale mesmo é dar e receber, também eu prometo rechear a tua vida de doces e intensos aromas...


publicado por Porcelinna às 18:07
link do post | deixa uma loucura... | favorito
|
1 comentário:
De Anónimo a 27 de Fevereiro de 2006 às 00:14
gostei muito desa pagina beijosnatalia verissimo teixeira
(http://4359)
(mailto:leandronat@hotmail.com)


Comentar post

.Aquilo que sou

.pesquisar

 

.Maio 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
17
18
19
20

21
22
23
25
26

28
29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.A minha alma

. ...

. Tempo

. Arco-Iris da Vida

. Dias de vento

. Sem Titulo

. Uma lágrima

. Ao pensar em ti

. Só quero ser tua

. A tua rosa

. ...

.Memórias passadas

. Maio 2006

. Abril 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

SAPO Blogs

.subscrever feeds